Quinta-feira, 13 de Setembro de 2007

" ... escuteiro uma vez... ... escuteiro toda a vida. "

Se um dia me pedissem para escrever um texto eu pensava escrever sobre a beleza da nossa terra, as lindas paisagens do Douro ou os alimentos típicos, sobre a importância da boa acção, hoje em dia tão esquecida ou sobre a vida.

No entanto acabei por perceber que a coisa mais importante de que posso falar é do que é ser escuteiro, daquilo que em mim marca a diferença, daquilo que mantém aceso em mim a chama da aventura.
        E ser escuteiro não é mais do que ansiar ser sempre melhor, não é mais do que sentir o desejo de ganhar asas e voar. Para um escuteiro não há barreiras intransponíveis, porque ele, com a sua força e a sua fé é capaz de ultrapassar todos os obstáculos.
        O escuteiro é aquele que no meio da multidão marca a diferença porque sorri, porque tem sempre boa disposição de espírito, porque contagia a todos com a sua alegria. É aquele que ama a natureza e a aventura, e parte em busca de novos rumos e novos ideais em cada actividade. É aquele que não desiste, que não desanima, que cria, que inventa, que deixa voar todos os pensamentos.
        Nunca se sabe muito bem como começa o escutismo, alguém vem até nós e lança a ideia e decidimos experimentar porque até parece ser giro, só quando o tempo passa e sentimos que já não queremos mais sair é que percebemos que já não há nada a fazer, temos que ser escuteiros o resto da nossa vida.

Já diria Fernando Pessoa:“Primeiro estranha-se, depois entranha-se”.

Começa-se em lobito, com brincadeiras engraçadas e canções alegres, passa-se pelos exploradores e descobrem-se novas aventuras, novos caminhos a seguir,nos pioneiros é característica a rebeldia excessiva,própria da idade,nos lenços vermelhos a grande decisão e por fim,o lenço verde,aquele que é o fim de uma etapa e o começo de outra. Tantas secções e todas muito diferentes, mas sempre todos unidos no ideal escutista, na partilha de nós mesmos com os outros e na luta por um mundo melhor.
        O escutismo é uma forma de estar na vida, uma forma de mostrar aos jovens que existem outros caminhos para além das drogas leves ou do consumo excessivo de álcool, caminhos que nos fazem sentir úteis, caminhos que nos tornam a nós, e aos que nos rodeiam pessoas muito mais felizes e cheias de motivos para sorrir.

         Enquanto instituição aceitamos valores como o respeito por todas as pessoas independentemente da cor da sua pele ou da sua classe social, a generosidade para com todos que pedimos diariamente a Deus na nossa Oração do Escuta, a amizade que une os Escuteiros do mundo inteiro, a solidariedade… são exemplos de valores que defendemos e que pomos em prática pois acreditamos que nos ajudarão a deixar o mundo um pouco melhor do que o encontrámos”, cumprindo assim a vontade do nosso fundador B.P. Estes valores estão bem vivos no interior do mais pequeno dos lobitos até ao mais antigo dos chefes!

O escuteiro é alguém com boa disposição de espírito” que tenta dar um pouco da sua alegria a todos que dela precisem, é gentil e simpático para os que a ele se dirigem tratando todas as pessoas com igual respeito e educação.

Dentro de cada seguidor de B.P existe um coração grande, uma vontade enorme de ajudar todos os que precisam sejam crianças, velhinhos, pessoas que passam dificuldades… muitas vezes bastam pequenos gestos para tornar uma pessoa um pouco mais feliz!

Não custa nada dar uma roupa que já não usamos, um brinquedo, uma canção de alegria, um olhar terno… o escuteiro é capaz de tudo isso apenas para ver alguém sorrir! Achamos importante falar do espírito de trabalho, de equipa que nos incutem. O escuteiro não tem medo ao trabalho e gosta de cooperar porque sabe que só assim será bem sucedido nas tarefas lhe propõem.

As palavras começam a escassear para descrever aquilo que torna um escuteiro diferente de todas as outras pessoas… poderia distinguir-nos a pureza de coração, a espontaneidade de actos, a amizade, a alegria, a delicadeza… mas é todo um conjunto de factores, de lições que aprendemos que marcam essa diferença!

Sinceramente já não sabemos onde começa e acaba o espírito escutista dentro de cada um de nós… sabemos apenas que:escuteiro uma vez…escuteiro toda a vida”!

Falcão Sossegado

Sinto-me:
Publicado por Falcão Sossegado às 20:21

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
4 comentários:
De simplesmentehumana a 13 de Setembro de 2007 às 23:53
bem... o texto foi realmente sentido e respeito todo o sentimento que gira em torno do escutismo.. afinal cada um sabe aquilo que gosta e o caracteriza. no entanto, acho que não são só os escuteiros que são como tu os caracterizas... essa onda de boa acção e tudo o que tu escreves-te nesse texto pode ser encontrada numa pessoa qualquer... pessoalmente eu não seria escuteira.. apesar disso sou capaz de fazer exactamente as mesmas coisas no meu dia-a-dia que um escuteiro faz...
agora peço-te desculpa por acabar aqui o meu comentário mas é que estar a escrever sem ver o que escrevo é complicado... tens que alterar as defenições e aí sim, começarás a ter comentários muito mais produtivos... pelo menos meus... loool
um gande beijinho maninho e sabes que tens o meu apoio para continuar com o teu sonho do escuteirismo
De simplesmentehumana a 13 de Setembro de 2007 às 23:55
esqueci-me de um pormenor... os escuteiros são iguais a todas as outras pessoas... não é o escuteirismo que nos torna diferentes...
De Anónimo a 19 de Julho de 2010 às 16:09
Esse teu mundo, só pode ser compreendido, por quem viveu experiências semelhantes.
Forte canhota.
De Carlos Falé a 27 de Outubro de 2012 às 10:42
Adorei o texto, memso muito bom. E só nós que por lá passamos uma vida, sabemos o que isso é. Fui mascote do meu agrupamento, entrei pa lá com apenas 2 anos, agora tenho 19 e sou Caminheiro!
Uma gota por secção faz a lagoa da união! ! ! Força!

Comentar post

Tribos, o jogo online gratuito

@Tá muito lento...

relojes web gratis

@Eu mesmo...

@Pesquisar neste blog...

 

@Fevereiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

@Palavritas Actuais...

@ Ouve apenas o meu olhar.....

@ Reserbem tudo, carago...

@ São Gonçalo de Gaia 2011

@ A Diferença entre o Paraí...

@ “A Vaquinha”

@ Um Escuteiro pode realmen...

@ No planalto da Zambujeira...

@ A minha História Perdida....

@ Marés Vivas 2009...

@ Voar... para me libertar....

@ Busco na simplicidade...

@ No meu sossego...

@ O Galo Angustiado

@ O Lenhador e a Raposa...

@ A BOMBA D'ÁGUA

@ Pato ou Cisne ???

@ Acreditar e Agir...

@ São Gonçalo sai à rua, pa...

@ Feliz Ano Novo de 2009

@ Com vontade de escrever.....

@Há muito Tempo...

@ Fevereiro 2013

@ Março 2011

@ Janeiro 2011

@ Julho 2010

@ Outubro 2009

@ Agosto 2009

@ Julho 2009

@ Abril 2009

@ Março 2009

@ Fevereiro 2009

@ Janeiro 2009

@ Dezembro 2008

@ Novembro 2008

@ Outubro 2008

@ Setembro 2008

@ Agosto 2008

@ Maio 2008

@ Fevereiro 2008

@ Janeiro 2008

@ Dezembro 2007

@ Novembro 2007

@ Outubro 2007

@ Setembro 2007

@Links...

@Navegando na Web...

@ Um Sonho de Menino... Che...

@ Perdi-te e (não) te encon...

@ O Piaçabeiro Mor avança m...

@ Há concerteza milhares de...

@ Escuteiros

@ " ... escuteiro uma vez.....

@Á distância de um simples Clique ...

Falcão Sossegado Leão Manhoso simplesmentehumana Lobitos Exploradores O Azul O Azul O Azul Filmes Diários Filmes, Mp3, Ebooks, Software, jogos e muito mais GRÁTIS no Pirata Tuga! Desbloqueio grátis de telemóveis Nokia

@Subscrever feeds

AddThis Social Bookmark Button
AddThis Feed Button
blogs SAPO
badge
badge